Tom Misch e Yussef Dayes mostram vídeo de “Tidal Wave”

Não há como viver alienado de toda a problemática ambiental, ainda para mais quando notícias como a do recente derrame de um petroleiro na costa das Maurícias nos colocam mais um lençol negro diante dos olhos.

O novo vídeo de Tom Misch e Yussef Dayes coloca a preservação marítima no epicentro da trama. Não é de navios petroleiros naufragados que trata mas sim do nosso lixo quotidiano, do qual se destaca naturalmente o plástico mas também as latas de refrigerantes, as máscaras cirúrgicas descartáveis (as que utilizamos diariamente para nos protegermos da COVID-19), as garrafas de vidro, os materiais electrónicos ou qualquer outro objecto que vai indevidamente parar às profundezas do mar ou às encostas das dunas.

No vídeo, um rapaz recolhe o lixo acumulado nas redondezas de um agitado mar, de walkman à cintura e auscultadores nos ouvidos, ao mesmo tempo que uma rapariga apanha ondas com a ajuda da sua deslizante prancha de surf. Um enredo que nos mostra duas facetas bem distintas e que nos obriga a refletir em torno da nossa pegada enquanto habitantes deste planeta, até mesmo quando o azar e a ironia do destino coloca o defensor ambiental no papel do agente poluidor (ver vídeo até ao fim).

“Tidal Wave” é retirado de What Kinda Music, álbum conjunto de Tom Misch e Yussef Dayes, editado em Abril do presente ano. O disco marcou presença na secção de críticas da Ritmoterapia.

43